Demolay Vazante

Paracatu e Unaí receberão novas viaturas e câmeras do Olho Vivo

Enviada em 08/11/2013

Os municípios de Paracatu e Unaí, na região Noroeste de Minas Gerais, receberão 16 câmeras do Olho Vivo cada. O anúncio foi feito pelo secretário de Estado de Defesa Social, Rômulo Ferraz, na quinta-feira (07.11), durante reunião da cúpula da segurança pública em Paracatu. Também estavam presentes à reunião o chefe do Estado Maior da Polícia Militar, coronel PM Divino Pereira de Brito, e a chefe adjunta da Polícia Civil, delegada-geral Maria de Lurdes Camilli.
 
Unaí e Paracatu estão entre os municípios que receberão câmeras de videomonitoramento no próximo ano, totalizando um investimento de R$ 50 milhões pelo governo do Estado. De acordo com Rômulo Ferraz, a escolha das cidades foi baseada em critérios objetivos, como tamanho da população e índices de criminalidade. Nos municípios da região Noroeste os equipamentos serão instalados já no primeiro semestre de 2014. "Se possível, vamos concluir a implantação até o mês de março. Nos locais em que as câmeras foram instaladas observamos uma redução dos crimes contra o patrimônio entre 30 e 40%", afirmou o secretário.
 
Durante a reunião, o coronel Brito também anunciou a destinação de 51 novas viaturas à 16ª Região Integrada de Segurança Pública, das quais 19 serão encaminhadas, até o fim do ano, ao Batalhão de Paracatu. A unidade policial também receberá 146 coletes a prova de bala, 15 rádios, três notebooks, três rádios e 7 GPS. A Polícia Civil em Unaí, por sua vez, recebeu recentemente três viaturas e ainda receberá outras duas, conforme explicou a delegada-geral Maria de Lurdes Camilli.
 
O efetivo policial da região também será reforçado com a entrada em exercício, em todo o Estado, de 120 médicos legislas e 95 peritos, já aprovados em concurso da Polícia Civil, e com a realização de concurso da Polícia Militar com 1.700 vagas para policiais e 1.300 para servidores administrativos.
 
Demandas

Durante a reunião, as lideranças policiais locais e representantes do Ministério Público e Poder Judiciário apresentaram algumas solicitações relacionadas aos sistemas prisional e socioeducativo.  O secretário Rômulo Ferraz explicou que há recursos garantidos para construção de 13 unidades prisionais no Estado e ampliação de outras quatro, incluindo a de Unaí. Assim que a obra for finalizada, aumentando em 400 vagas a capacidade do presídio, a cadeia de Vazante poderá ser desativada, como solicitam os representantes locais.
 
Quanto ao sistema socioeducativo, foi inaugurado, neste ano, o Centro Socioeducativo de Unaí, com 90 vagas. Além da utilização das vagas para suprir a necessidade da região Noroeste, o secretário reforçou a importância de ser feita uma articulação com o município para as medidas de Meio Aberto. "Vamos avaliar com os municípios de Paracatu e Unaí a possibilidade de desenvolver as medidas de Meio Aberto, que estão previstas no ECA e são muito importante para os casos de prevenção a crimes mais graves", falou o secretário.
 
As reuniões com a presença de toda a cúpula da segurança pública acontecem anualmente em todas as 18 Regiões Integradas de Segurança Pública do Estado de Minas Gerais. 
 
Fonte:Assessoria de Comunicação Social da Seds
(31) 3915-5553/5552/5544/554

Endereço: https://www.policiacivil.mg.gov.br/noticia/exibir/geral/171002 

Mais Notícias

*Dia: 23 à 27/10/2017 - Inscrição de chapas para concorrer as eleições, de 08:00 as 11:00 H - sede do COSEPUV. *Dia: 03/11/2017 - Assembléia Geral - as 08:00 H, sede COSEPUV.
Todos os direitos reservados © Copyright 2011-2013
"Conselho Comunitario de Segurança Publica de Vazante - MG - 34 3813-3821